21 Novembro, 2014
Na reunião com o SEP a 17 de Novembro o Conselho de Administração assumiu constrangimentos decorrentes das opções gestionárias do anterior Conselho de Administração, nomeadamente, cedência de 30 enfermeiros quando o hospital estava em ruptura.

Ainda, assumiram compromissos, designadamente a contratação de 32 enfermeiros e regularização imediata da situação dos enfermeiros subcontratados, a negociação de um regulamento de horários especifico para os enfermeiros, o levantamento das horas em divida aos enfermeiros e elaboração de um plano de pagamento.

Face a estes desenvolvimentos os enfermeiros, em plenário, decidiram suspender a greve e determinar a data de 31 de Dezembro para que a Administração cumpra e ainda que promova a harmonização salarial dos CIT e que o ano de 2015 se inicie sem qualquer “hora” em divida aos enfermeiros.

Na reunião de 20 de Novembro com o SEP, o Secretário de Estado da Saúde e Presidente da ACSS assumiram o compromisso de autorizar a contratação de 27 enfermeiros para o Centro Hospitalar (já pedidos) na semana entre 24 e 28 de Novembro.