6 Agosto, 2020
IPO de Coimbra: exigimos harmonização de direitos
Estivemos ontem concentrados em frente ao IPO de Coimbra. Distribuímos um folheto informativo dirigido aos utentes e entregámos à Administração um abaixo-assinado de enfermeiros com CIT exigindo harmonização de direitos.

 

Se, com a luta, a passagem às 35 horas, foi possível, é exigível que outros direitos se consagrem.

Durante a iniciativa foi distribuído um folheto informativo dirigido aos utentes, onde constam os seguintes problemas:

  • Discriminação entre enfermeiros (Contratos Individuais de Trabalho versus Contrato de Trabalho em Funções Públicas);
  • Não contabilização de pontos ou incorreta contabilização;
  • Avaliação do Desempenho por resolver;
  • Sem desenvolvimento na carreira;
  • Compensação pelo risco e penosidade da profissão (onde se inclui a aposentação);
  • Admissão de mais enfermeiros.

O SEP continua a reafirmar que em tempos de pandemia ou fora dela, os direitos são manter e os diversos problemas para resolver.

As justas reivindicações dos enfermeiros, só podem reforçar o Serviço Nacional de Saúde dos ataques permanentes que também há muito tem vindo a ser alvo dos diferentes poderes políticos.